Diferenças entre edições de "Openbox"

De LXDE.org
Ir para: navegação, pesquisa
m
Linha 1: Linha 1:
 
{| class="infobox" " align="right" cellspacing="4" cellpadding="1" style="width:20em; font-size:90%; text-align:left; border:1px solid grey; margin:1em; background:ghostwhite;"
 
{| class="infobox" " align="right" cellspacing="4" cellpadding="1" style="width:20em; font-size:90%; text-align:left; border:1px solid grey; margin:1em; background:ghostwhite;"
| colspan="3" align="center"| '''Openbox Window Manager'''
+
| colspan="3" align="center"| '''Gerenciador de janelas Openbox'''
 
|-  
 
|-  
| colspan="3" align="center"| [[Image:Openbox_desktop.png|220px|Openbox Window Manager, Screenshot of Openbox with Mozilla Firefox, Exaile and Obconf open and Thunar rolled up.]]
+
| colspan="3" align="center"| [[Image:Openbox_desktop.png|220px|Gerenciador de janelas Openbox, captura de tela do Openbox com o Mozilla Firefox, Exaile e Obconf abertos e o Thunar enrolado para cima.]]
 
|-  
 
|-  
 
| style="width:30%" | '''Desenvolvedor'''
 
| style="width:30%" | '''Desenvolvedor'''
Linha 11: Linha 11:
 
|-  
 
|-  
 
| '''Data de lançamento'''
 
| '''Data de lançamento'''
| 23 de abril, 2008
+
| 23/04/2008
 
|-  
 
|-  
| '''Atualizado com frequência?'''
+
| '''Atualizado com frequência'''
 
| Sim
 
| Sim
 
|-  
 
|-  
Linha 26: Linha 26:
 
|-  
 
|-  
 
| '''Gênero'''
 
| '''Gênero'''
| Gerenciador de Janelas
+
| Gerenciador de janelas
 
|-  
 
|-  
 
| '''Licença'''
 
| '''Licença'''
 
| GNU General Public License
 
| GNU General Public License
 
|-  
 
|-  
| '''Website'''
+
| '''Site'''
 
|[http://www.icculus.org/openbox/ www.icculus.org/openbox/]
 
|[http://www.icculus.org/openbox/ www.icculus.org/openbox/]
 
|}
 
|}
Linha 37: Linha 37:
 
O '''Openbox''' é um gerenciador de janelas livre para o "X Window System" (Sistema de janelas do X) e licenciado sob a Licença Pública Geral GNU (GNU General Public License). O Openbox foi originalmente derivado do from Blackbox 0.65.0, mas tem sido totalmente reescrito na linguagem de programação C e desde a versão 3.0 não é mais baseado em qualquer código do from Blackbox.<ref name="Gentoo"> {{cite web|url = http://gentoo-wiki.com/HOWTO_Openbox|title = HOWTO Openbox|accessdate = 2008-04-07|last = GentooWiki|authorlink = |year = 2008|month = March}}</ref>  
 
O '''Openbox''' é um gerenciador de janelas livre para o "X Window System" (Sistema de janelas do X) e licenciado sob a Licença Pública Geral GNU (GNU General Public License). O Openbox foi originalmente derivado do from Blackbox 0.65.0, mas tem sido totalmente reescrito na linguagem de programação C e desde a versão 3.0 não é mais baseado em qualquer código do from Blackbox.<ref name="Gentoo"> {{cite web|url = http://gentoo-wiki.com/HOWTO_Openbox|title = HOWTO Openbox|accessdate = 2008-04-07|last = GentooWiki|authorlink = |year = 2008|month = March}}</ref>  
  
 
+
O Openbox é desenhado para ser pequeno, rápido e totalmente adequado com o "Inter-Client Communication Conventions Manual (ICCCM)" e "Extended Window Manager Hints (EWMH)".  Ele suporta muitas características como menus com os quais o usuário pode controlar aplicativos ou que podem exibir várias informações dinâmicas.
 
 
O Openbox é desenhado para ser pequeno, rápido e totalmente adequado com o Inter-Client Communication Conventions Manual (ICCCM) e Extended Window Manager Hints (EWMH).  Ele suporta muitas características comom menus com os quais o usuário pode controlar aplicativos ou que podem exibir várias informações dinâmicas.
 
 
 
 
 
  
 
O principal autor do Openbox é Dana Jansens da Carleton University em Ottawa, Ontario, Canada.<ref name="Jansens"/>
 
O principal autor do Openbox é Dana Jansens da Carleton University em Ottawa, Ontario, Canada.<ref name="Jansens"/>
 
 
  
 
== Usando o Openbox==
 
== Usando o Openbox==
 
+
O Openbox permite um a exibição de um "menu raiz" através de um clique com o botão direito do mouse (o outra combinação) na área de trabalho, e permite que os usuários configurem o modo como as janelas são gerenciadas. Quando uma janela é minimizada ela se torna invisível. Para mostrar as janelas novamente, muitos usam a combinação de teclado Alt+Tab ou o menu da área de trabalho, acessível através de um clique com o botão direito do mouse (ou, novamente, qualquer combinação que o usuário desejar). Estender o Openbox com outros programas menores que adicionam ícones, [[barrasdetarefas | barras de tarefas]], lançadores, ou recursos interessantes e outros é comum.
O Openbox permite um a exibição de um "menu raíz" através de um clique com o botão direito do mouse (o outra combinação) na área de trabalho, e permite que os usuários configurem o modo como as janelas são gerenciadas. Quando uma janela é minimizada ela se torna invisível. Para mostrar as janelas novamente, muitos usam a combinação de teclado Alt+Tab ou o menu da área de trabalho, acessível através de um clique com o botão direito do mouse (ou, novamente, qualquer combinação que o usuário desejar). Estender o Openbox com outros programas menores que adicionam ícones, [[barrasdetarefas]], lançadores, ou recursos interessantes e outros é comum.
 
 
 
 
 
  
 
== Configuração ==
 
== Configuração ==
 
 
[[Image:Obconf-screenshot.png|thumb|right|Obconf, um editor de configurações gráfico para o Openbox.]]
 
[[Image:Obconf-screenshot.png|thumb|right|Obconf, um editor de configurações gráfico para o Openbox.]]
 
 
Há somente dois arquivos de configuração localizados em <tt>~/.config/openbox</tt>. Eles são nomeados <tt>menu.xml</tt> e <tt>rc.xml</tt>.
 
Há somente dois arquivos de configuração localizados em <tt>~/.config/openbox</tt>. Eles são nomeados <tt>menu.xml</tt> e <tt>rc.xml</tt>.
 
 
Se os usuários não desejam editá-los manualmente, eles podem efetuar a maioria das configurações através da ferramenta Obconf, que é fácil de usar.<ref name="icculus1"> {{cite web|url = http://icculus.org/openbox/index.php/ObConf:About|title = ObConf:About|accessdate = 2008-04-07|last = Openbox project|authorlink = |year = 2007|month = June}}</ref>.
 
Se os usuários não desejam editá-los manualmente, eles podem efetuar a maioria das configurações através da ferramenta Obconf, que é fácil de usar.<ref name="icculus1"> {{cite web|url = http://icculus.org/openbox/index.php/ObConf:About|title = ObConf:About|accessdate = 2008-04-07|last = Openbox project|authorlink = |year = 2007|month = June}}</ref>.
  
 
Todas as combinações de mouse e teclado podem ser configuradas. Por exemplo, se um usuário quer que uma janela vá para a área de trabalho 3 quando o botão fechar é clicado com o botão central do mouse, pode fazer isso trivialmente. Rolar o ícone para mover para a próxima área de trabalho ou para a anterior e levantar ou não levantar quando clicar/mover uma janela é totalmente configurável.
 
Todas as combinações de mouse e teclado podem ser configuradas. Por exemplo, se um usuário quer que uma janela vá para a área de trabalho 3 quando o botão fechar é clicado com o botão central do mouse, pode fazer isso trivialmente. Rolar o ícone para mover para a próxima área de trabalho ou para a anterior e levantar ou não levantar quando clicar/mover uma janela é totalmente configurável.
 
 
  
 
== Características únicas ==
 
== Características únicas ==
 
 
O sistema de menus do Openbox tem um método para uso de menus dinâmicos. Isto é feito aceitando a saída de um script e usando esta saída como a fonte para o menu. Cada vez que o usuário aponta seu mouse no sub-menu, o script é executado novamente e o menu é atualizado. Esta capacidade permite que usuários e desenvolvedores de software tenham mais flexibilidade que os menus estáticos encontrados na maioria dos gerenciadores de janelas.
 
O sistema de menus do Openbox tem um método para uso de menus dinâmicos. Isto é feito aceitando a saída de um script e usando esta saída como a fonte para o menu. Cada vez que o usuário aponta seu mouse no sub-menu, o script é executado novamente e o menu é atualizado. Esta capacidade permite que usuários e desenvolvedores de software tenham mais flexibilidade que os menus estáticos encontrados na maioria dos gerenciadores de janelas.
 
 
  
 
Por exemplo, dois desenvolvedores escreveram um script em Python que lista novas mensagens de um usuário do Gmail em um sub-menu.
 
Por exemplo, dois desenvolvedores escreveram um script em Python que lista novas mensagens de um usuário do Gmail em um sub-menu.
 
 
 
 
  
 
==Referências==
 
==Referências==
 
 
{{reflist}}
 
{{reflist}}
 
 
  
 
==Links externos==
 
==Links externos==
 
 
* [http://www.icculus.org/openbox/ Site oficial]
 
* [http://www.icculus.org/openbox/ Site oficial]
 
 
* [http://wiki.debian.org/Openbox Página do Debian Wiki sobre o Openbox]
 
* [http://wiki.debian.org/Openbox Página do Debian Wiki sobre o Openbox]
 
 
* [https://wiki.ubuntu.com/Openbox Página do Ubuntu Wiki sobre o Openbox]
 
* [https://wiki.ubuntu.com/Openbox Página do Ubuntu Wiki sobre o Openbox]
 
 
  
 
[[Category:Free X window managers]]
 
[[Category:Free X window managers]]
 
 
[[Category:Free software programmed in C]]
 
[[Category:Free software programmed in C]]
 
 
[[Category:LXDE]]
 
[[Category:LXDE]]
 
 
[[Category:LXDE Components]]
 
[[Category:LXDE Components]]
 
 
[[Category:LXDE Module]]
 
[[Category:LXDE Module]]
 
 
[[Category:LXDE Window Manager]]
 
[[Category:LXDE Window Manager]]

Revisão das 16h16min de 16 de setembro de 2009

Gerenciador de janelas Openbox
Gerenciador de janelas Openbox, captura de tela do Openbox com o Mozilla Firefox, Exaile e Obconf abertos e o Thunar enrolado para cima.
Desenvolvedor Dana Jansens[1]
Última versão 3.4.7.2
Data de lançamento 23/04/2008
Atualizado com frequência Sim
Linguagem de programação C
Plataforma Cross-platform, Unix-like
Status Ativo
Gênero Gerenciador de janelas
Licença GNU General Public License
Site www.icculus.org/openbox/

O Openbox é um gerenciador de janelas livre para o "X Window System" (Sistema de janelas do X) e licenciado sob a Licença Pública Geral GNU (GNU General Public License). O Openbox foi originalmente derivado do from Blackbox 0.65.0, mas tem sido totalmente reescrito na linguagem de programação C e desde a versão 3.0 não é mais baseado em qualquer código do from Blackbox.[2]

O Openbox é desenhado para ser pequeno, rápido e totalmente adequado com o "Inter-Client Communication Conventions Manual (ICCCM)" e "Extended Window Manager Hints (EWMH)". Ele suporta muitas características como menus com os quais o usuário pode controlar aplicativos ou que podem exibir várias informações dinâmicas.

O principal autor do Openbox é Dana Jansens da Carleton University em Ottawa, Ontario, Canada.[1]

Usando o Openbox

O Openbox permite um a exibição de um "menu raiz" através de um clique com o botão direito do mouse (o outra combinação) na área de trabalho, e permite que os usuários configurem o modo como as janelas são gerenciadas. Quando uma janela é minimizada ela se torna invisível. Para mostrar as janelas novamente, muitos usam a combinação de teclado Alt+Tab ou o menu da área de trabalho, acessível através de um clique com o botão direito do mouse (ou, novamente, qualquer combinação que o usuário desejar). Estender o Openbox com outros programas menores que adicionam ícones, barras de tarefas, lançadores, ou recursos interessantes e outros é comum.

Configuração

Obconf, um editor de configurações gráfico para o Openbox.

Há somente dois arquivos de configuração localizados em ~/.config/openbox. Eles são nomeados menu.xml e rc.xml. Se os usuários não desejam editá-los manualmente, eles podem efetuar a maioria das configurações através da ferramenta Obconf, que é fácil de usar.[3].

Todas as combinações de mouse e teclado podem ser configuradas. Por exemplo, se um usuário quer que uma janela vá para a área de trabalho 3 quando o botão fechar é clicado com o botão central do mouse, pode fazer isso trivialmente. Rolar o ícone para mover para a próxima área de trabalho ou para a anterior e levantar ou não levantar quando clicar/mover uma janela é totalmente configurável.

Características únicas

O sistema de menus do Openbox tem um método para uso de menus dinâmicos. Isto é feito aceitando a saída de um script e usando esta saída como a fonte para o menu. Cada vez que o usuário aponta seu mouse no sub-menu, o script é executado novamente e o menu é atualizado. Esta capacidade permite que usuários e desenvolvedores de software tenham mais flexibilidade que os menus estáticos encontrados na maioria dos gerenciadores de janelas.

Por exemplo, dois desenvolvedores escreveram um script em Python que lista novas mensagens de um usuário do Gmail em um sub-menu.

Referências

Predefinição:Reflist

Links externos

  • 1,0 1,1 Predefinição:Cite web
  • Predefinição:Cite web
  • Predefinição:Cite web